Cima

Quando era pequeno, olhava sempre de baixo. Precisava se esticar para alcançar as coisas e ver tudo melhor, e desta forma foi crescendo. De repente enxergava tudo na altura do olhar, e se acostumou assim, era confortável. Só que não parou de crescer. E então, quando estava mais alto que as coisas, não conseguiu evitar de apenas vê-las de cima.

Estava tão longe do chão que a visão era turva, não pode evitar. Um dia tropeçou e caiu.

duasarvores_

, Ella A.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s