Orvalho

aranha_

Ao acordar, notou o orvalho. Foi a primeira coisa que percebeu. O orvalho que secava sobre as plantas a medida que o sol ia ficando mais forte. O vento soprando, as folhas das árvores balançando, percebeu o movimento da água em suas ondas suaves. O mato cheirando a mato e toda aquela poeira girando no ar.

Depois daquele sono de mais de doze anos, muito tinha mudado. Mas o que lhe interessava mesmo era tudo aquilo que tinha se mantido igual.

, Ella A.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s